iconfinder_vector_65_12_473798

Filie-se!

Junte-se ao Conselho Internacional de Psicanálise!

iconfinder_vector_65_02_473778

Associados

Clique aqui para conferir todos os nossos Associados.

iconfinder_vector_65_09_473792

Entidades Associadas

Descubra as entidades que usufruem do nosso suporte.

mundo

Associados Internacionais

Contamos com representantes do CONIPSI fora do Brasil também!

A adoção do conceito de microagressões leva à destruição do sistema jurídico.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

https://youtu.be/_Dvl2RL9tzQ

​”Uma microagressão é qualquer ato, não importa o quão sutilmente deixe o destinatário desconfortável, independentemente da intenção d​o criminoso ​Estamos fugindo da intenção​, tudo ​é ​conseqüência​, como é recebido.​​ Isto está sendo escrito na lei muito rapidamente​,​ a propósito, estamos mudando de um sistema jurídico onde a intenção é importante para um sistema legal onde as consequências importam, o que é​,​ realmente​,​ a erradicação do​ sistema legal​.


M​as não importa, porque os radicais pós-modernos​,​ que ocupam cada vez mais as faculdades de direito​, acredit​am que a lei ocidental é um​a tradição patriarcal e opressora e que​, minando​-a e destruindo​-a, ao fazer coisas como ​eliminar o devido processo e insisti​r​ na preponderância d​a evidência e ir ​atrás da consequência ao invés d​a​ intenção, ​não tem problema, porque eles​ só​ estão derruba​ndo​ um​a ​estrutura​ patriarcal​ terrível e tirânica​.

Nunca tendo tido a ​sorte de passar ​um tempo em uma prisão iraniana​, por exemplo, eles não são muito bons em distinguir entre o que constitui uma tirania e o que constitui um​a sociedade​ livre.”

star-line-clipart-22
Editorial

Colunista do Conselho Internacional de Psicanálise.

Psicanálise

O Design do Cérebro e a Pornografia

[…] O cérebro é onde experimentamos a vida: emoções positivas de intimidade, prazer, amor e satisfação; ou sentimentos negativos, maus hábitos, compulsões destrutivas e vícios. 6 O

Leia Mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *