iconfinder_vector_65_12_473798

Filie-se!

Junte-se ao Conselho Internacional de Psicanálise!

iconfinder_vector_65_02_473778

Associados

Clique aqui para conferir todos os nossos Associados.

iconfinder_vector_65_09_473792

Entidades Associadas

Descubra as entidades que usufruem do nosso suporte.

mundo

Associados Internacionais

Contamos com representantes do CONIPSI fora do Brasil também!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

 

 

 

 

Um fabricante de brinquedos sexuais hardcore introduziu o “TransKids”, um site e uma loja ​projetados para oferecer aos filhos trans​sexuais os “suprimentos”​de ​ que eles precisam para ​sentirem-se do gênero oposto.

​Antes de continuar a notícia, lembre que a ​Associação de Pediatria dos USA classifica o transexalismo como doença, e condena a imposição da teoria de gênero sobre as crianças.

​Atende crianças ​de dois ou três anos​ de idade​, e vende​ de​ tudo, desde pênis prostéticos – circuncidados e não circuncidados – até​ um”calção” especial para ajudar as crianças que não se identificam com s​seu gênero do nascimento retrata mais exatamente como o oposto.

​Para manter esses membros falsos no lugar, o site também oferece uma variedade de opções de “embalagem”, incluindo bolsas e cuecas especiais. O site ​também vende um funil especial que pode ser usado para fazer xixi em um urin​ol.

O ​site ainda oferece várias opções de roupas íntimas, ​nos moldes dos usados por drag queens, para ajudar ​o menino a “dobrar” seu p​ênis entre as pernas.

​A única vantagem dessa insanidade é que ela não é irreversível como a cirurgia​.

star-line-clipart-22
Editorial

Colunista do Conselho Internacional de Psicanálise.

Psicanálise

O “Great Reset”

Hilde Schwab, esposa de Klaus Schwab, e Charlize Theron no Fórum Econômico Mundial […] O fundador do Fórum Econômico Mundial, Klaus Schwab, enfatizou repetidamente como

Leia Mais »

2 respostas

    1. Oi Lucia,

      Não, não é no Brasil mas nos EUA (www.transkids.biz). Entretanto, o movimento não se restringe a um país e, em muitos aspectos, pode ser mais forte aqui ou em outros países do que nos EUA. Já leu o artigo Extremistas gays são contra pluralismo e democracia?

      É vital que nos informemos e ajudemos a informar a sociedade sobre os fatos e suas verdadeiras implicações, a fim de participarmos das decisões, isto é, da sociedade. Caso contrário, seremos cúmplices, idiotas-úteis.

      Muito obrigado pela participação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *