iconfinder_vector_65_12_473798

Filie-se!

Junte-se ao Conselho Internacional de Psicanálise!

iconfinder_vector_65_02_473778

Associados

Clique aqui para conferir todos os nossos Associados.

iconfinder_vector_65_09_473792

Entidades Associadas

Descubra as entidades que usufruem do nosso suporte.

mundo

Associados Internacionais

Contamos com representantes do CONIPSI fora do Brasil também!

Ateu defende religiões morais.

Trechos extraídos ou texto replicado na íntegra do site: .
Autoria do texto: .
Data de Publicação: .
Leia a matéria na íntegra clicando aqui.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Bizarro, da parte de Dawkins, que escreveu um livro chamado “Deus, um Delírio”, em que alegava que a religião era uma força profundamente malévola e divisora ​​no mundo.

Agora ele está se autodenominando um “cristão cultural”? Acho estranho usar a religião para ampliar seus pontos políticos seculares.

Aaron Bastani

Entetanto, isto pode ser defendido logicamente:

1. Todas as religiões ensinam preceitos morais.

2. A maioria das pessoas está fadada a ser religiosa, na medida em que o homem é um animal religioso.

3. Portanto, mesmo os ateus deveriam favorecer a(s) religião(s) cujos preceitos morais estão mais de acordo com a razão.

Sohrab Ahmari

Enquanto Dawkins defende a moral do cristianismo, a atéia Rand defende o racionalismo da Bíblia:

“O homem deve ser guiado exclusivamente pela razão

A razão é a faculdade que identifica e integra o material fornecido pelos seus sentidos. Essa é uma definição formal.

A razão é a única ferramenta do conhecimento do homem, o seu único guia para a ação e o seu único guia para a escolha de valores.

Como consequência disso, a ética ou a moralidade adequada ao homem é uma moralidade de interesse próprio racional, o que significa que todo homem tem o direito de existir para o seu próprio bem, e ele não deve se sacrificar pelos outros nem sacrificar os outros por si mesmo, que a conquista de sua própria felicidade racional é o propósito moral mais elevado de sua vida.

Como consequência disso, o único sistema político que expressa essa moral é o sistema do capitalismo laissez-faire, pelo que quero dizer, o capitalismo pleno, não regulamentado, não controlado, um sistema baseado no reconhecimento dos direitos individuais, incluindo os direitos de propriedade, em que todos os bens pertencem a particulares.

O princípio que liga a moralidade à política é o princípio de que nenhum homem tem o direito de iniciar força física, a violência, a compulsão, contra outros homens.

Os homens certamente têm o direito à auto-defesa, mas nenhum homem, nenhum grupo de homens, que inclua o governo, tem o direito de iniciar a força, e de forçar um homem a agir contra o seu próprio julgamento.

Esta é a essência da filosofia, Significa que o homem, se escolher racionalmente os seus ideais, pode, e deve, alcançá-los aqui na terra, não existem objetivos errados.”

Imagem:
Ayn Rand, por Talbot, 1943

star-line-clipart-22
Editorial

Colunista do Conselho Internacional de Psicanálise.

Psicanálise
Editorial

A Lavagem Cerebral do Ambientalismo.

O condicionamento psicológico está ocorrendo de várias maneiras e dentro de diferentes grupos de afinidade para preparar a população norte-americana* para um futuro iminente de

Leia Mais »
Psicanálise
Editorial

O Rosto dos Coletivistas.

Quer o ano seja 1944 ou 2024, nunca se esqueça que uma pessoa comum é capaz de sorrir e aproveitar a vida enquanto participa conscientemente

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *