iconfinder_vector_65_12_473798

Filie-se!

Junte-se ao Conselho Internacional de Psicanálise!

iconfinder_vector_65_02_473778

Associados

Clique aqui para conferir todos os nossos Associados.

iconfinder_vector_65_09_473792

Entidades Associadas

Descubra as entidades que usufruem do nosso suporte.

mundo

Associados Internacionais

Contamos com representantes do CONIPSI fora do Brasil também!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

1. UNIVERSIDADES SE SUBMETEM A VONTADES DE SEUS ALUNOS

As universidades serão forçadas a satisfazer as demandas dos alunos “floco de neve” se as mudanças controversas ao sistema de classificação forem aprovadas, os líderes educacionais advertiram.

O Reino Unido está propondo um novo Quadro de Excelência de Ensino para  as suas universidades. Quase todas, inclusive o Grupo Russel, que compreende 24 das principais universidades) confirmaram intenção de aderir.

Dentre as reformas está colocar a satisfação do aluno no âmago do sistema de classificação.

“As universidades estão cada vez com mais receio de fazer qualquer coisa que criará insatisfação explícita entre os alunos” diz a baronesa Wolf, professora do King’s College de Londres. E acrescenta: “A medida de satisfação do estudante é fantasticamente perigosa. A maneira de fazer os alunos felizes é não lhes pedir para fazer nenhum trabalho e dar-lhes uma nota alta.

“Isto reduzirá padrões e minará a qualidade. Eu só acho que isso é totalmente louco, e destrutivo em relação a tudo o que as universidades representam.”

A professora Julia Black concorda: “As universidades têm que desafiar os alunos e os alunos podem achar isso um processo desconfortável. A obrigação das universidades é garantir que os alunos se sintam apoiados durante esse desafio.”

Todo esse movimento é uma ameaça direta aos padrões acadêmicos e à capacidade das universidades de defender a liberdade de expressão.  Entretanto, a fim de aumentar as taxas de matrícula para acompanhar a inflação e matricular alunos estrangeiros, eles devem aderir ao quadro de excelência de ensino proposto.

Um académico sênior concluiu: “Eles estão aterrorizados com a idéia de perder matrículas. Eles não precisavam ser tão desnecessariamente covardes.”

2. UNIVERSITÁRIOS INGLESES EXIGEM REMOVERÇÃO DE FILÓSOFOS BRANCOS DOS CURRÍCULOS.

Como parte da campanha para descolonizar a universidade, o centro estudantil da Escola de Estudos Orientais e Africanos (SOAS) insiste que a maioria dos filósofos estudados deve ser da África e Ásia.

Isso aconteceu depois que líderes de educação avisaram que as universidades serão forçadas a ceder às demandas dos alunos, por mais insensatas que sejam.

 

3. HOMENS DE HOJE OU SÃO EFEMINADOS OU PSICOPATAS, OU AMBOS.

Mohammed Emwazi foi um cidadão britânico. Morou em Londres e formou-se na Universidade de Westminister, em informática. É mais conhecido como “Jihadi John”, e acredita-se ser a pessoa que aparece em videos do Estado Islâmico, cometendo atrocidades. Robert Verkaik é o jornalistra que escreveu um livro em que tenta explicar o que transforma um adolescente londrino comum em um psicopata do ISIS.

 

Fontes:

1 http://www.telegraph.co.uk/news/2017/01/08/universities-warned-snowflake-student-demands/

2 http://www.telegraph.co.uk/education/2017/01/08/university-students-demand-philosophers-including-plato-kant/

 

star-line-clipart-22
Editorial

Colunista do Conselho Internacional de Psicanálise.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *