iconfinder_vector_65_12_473798

Filie-se!

Junte-se ao Conselho Internacional de Psicanálise!

iconfinder_vector_65_02_473778

Associados

Clique aqui para conferir todos os nossos Associados.

iconfinder_vector_65_09_473792

Entidades Associadas

Descubra as entidades que usufruem do nosso suporte.

mundo

Associados Internacionais

Contamos com representantes do CONIPSI fora do Brasil também!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email

Irvin Yalom

Yalom escreveu um romance tendo como personagens principais Friedrich Nietzsche e Joseph Breuer, focalizou-o no ano de 1882 e adornou-o com os coadjuvantes Sigmund Freud e Lou Salomé. Irvin, ajudado pela sua formação psiquiátrica, estudou a fundo a biografia de cada personagem e conduziu os diálogos do seu livro, de maneira a estarem o mais perto possível da realidade. Certamente escreveu uma estória de fundo psicológico, mas conservou, sempre que possível, registros da história real. De fato, o encontro entre Nietzsche e Breuer nunca ocorreu, mas não seria impossível.
Com isto, vamos encontrar Nietzsche e Breuer descobrindo juntos o melhor método para um tratamento psicanalítico e ao mesmo tempo fazendo uma reflexão sobre a vida, onde o conceito junguiano de ‘anima’ é profundamente discutido e apresentado de uma maneira prática. Aliás, o autor embora focalize a estória na época em que Jung tinha sete (7) anos, coloca uma série de abordagens típicas do psicólogo suíço.

O romance embora lide com temas pesados e profundos, como por exemplo, a verdade na relação médico-paciente, ficou fluídico como uma estória policial de Agatha Christie. Enfim, estamos frente a um livro que fará um marco na literatura universal e com certeza entra no rol dos imperdíveis.

Paulo Costa de Souza

Fonte: http://www.symbolon.com.br/resenhas2.htm

star-line-clipart-22
Editorial

Colunista do Conselho Internacional de Psicanálise.

Mudar o corpo ou mudar a mente?

Por Julian Vigo. Leia o artigo original no Spiked. Estrago Irreversível, de Abigail Shrier fala sobre o aumento acentuado da identidade transexual entre as adolescentes e os danos que ela

Leia Mais »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *